Olhai os lírios do campo - Baiser Volé de Cartier - Resenha

Havia um tempo em que as flores possuíam significados, considerados quando alguém as portava ou presenteava. Peônias representavam a timidez para a moças cortejadas, que avisavam aos pretendentes que não estavam em busca de romance ao colocar uma peônia em seu penteado. Uma dama japonesa 'gentilmente' rejeitava um galanteador entregando a ele um crisântemo amarelo. Na corte francesa o amor-perfeito era um recado que a pessoa estava em seus pensamentos. Os lírios, na tradição católica representam a Virgem Maria, a pureza - de corpo e de alma. Uma flor alva, que seguidamente acompanhava as noivas ao altar, atestando sua castidade e amor sublime. Baiser Volé de Cartier traduz com precisão este lírio puro e cândido, como um beijo na tez de pêssego de uma jovem mademoiselle. 
O primor do frasco, seu borrifador delicado acoplado à tampa, um vidro de linhas limpas, e ao mesmo tempo sólido, o líquido levemente rosado, acertadamente antecipam a fragrância cujo requinte se sustenta na pureza dos lírios. Balouçantes lírios no campo, seus caules verdes vergando-se ao sabor do vento, a sensação empoada do pólen desprendendo-se dos pistilos. 
Abre verdejante, floral branco permeado por citrinos e seivas. Quase um solinote, que de maneira muito particular explora a evolução da própria flor em suas variadas facetas. Inicia em lírio em pétala, no aroma viçoso da flor recém colhida, transforma-se em lírio recendente de bouquet, levemente amargo, e acalma na pele em flor atalcada, do lírio da nobreza, a flor de lis de dauphines da França. 
É a sofisticação do puro e simples, mas nada monótono, que recorda uma distinção de tempos outros, de segredos ao pé do ouvido, de cartas de caligrafia caprichada e olhares furtivos cruzados entre salas de banquetes.





Olhai para os lírios do campo, como eles crescem; não trabalham nem fiam (Mt, 6:28). Os lírios de Baiser Volé exalam apenas a pureza de tempos idos, que esvaíram-se no paradoxo encurtamento da distância que cada vez mais afasta os corações.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O último dos românticos - Floratta Red d'O Boticário - Resenha

Amor nos tempos de Crise - Pur Blanca da AVON - Resenha

Império dos Sentidos - Natura Una Senses Deo Parfum - Resenha